we're miles apart, but a computer screen connects our hearts




Hoje decidi fazer um post diferente. Apetece-me contar-vos uma história.

Era uma vez um rapazinho de mais ou menos 14 anos e uma menina um ano mais nova. Eles conheceram-se numa rede social destinada a miúdos chamada Kuska. Foram falando todos os dias, tornaram-se melhores amigos, gémeos até, diziam eles. Cada dia mais inseparáveis. Chegaram a passar uma passagem de ano inteira em vídeo chamada, porque para eles a amizade que partilhavam merecia ser celebrada acima de todas as coisas. Discutiam às vezes, mas as risadas eram sempre em maior número. Gravavam vídeos, escreviam histórias, desenhavam, faziam tudo juntos, embora com alguns (MUITOS) quilómetros a separá-los.
Eventualmente foram crescendo e o contacto foi diminuindo, mas nunca esquecido. Tentaram até encontrar-se uma vez, mas não resultou lá muito bem... Até que um dia, cinco anos depois, finalmente se encontraram.
O nome do rapaz, que agora tem 19 anos, é Gonçalo e ela, ela chama-se Joana e apesar de não serem parecidos fisicamente, eles sabem que no fundo serão sempre gémeos um do outro. 
Como é óbvio esse rapaz sou eu e a Joana é uma das amigas que melhor guardo no coração. Foi um prazer enorme finalmente conhecê-la pessoalmente depois de tantos anos de amizade virtual e, se algum dia vos disserem que amizades virtuais não são possíveis, esfreguem-lhes este post na cara!
Adoro-te, Joana! E este post é só um bocadinho daquilo que sinto por ti! 

EN

Today I decided to do a different post. I want to tell you a story.
Once upon a time that was a 14 year old boy and a girl one year younger. They met in a social network made for kids named Kuska. They talked to each other every single day, they became best friends, twins, they say. Day after day they became inseparable. They even spent a new year's eve talking to each other via webcam, because for them their friendship was worth being celebrated above all the things. Sometimes they got mad, but the laughter always win. They made videos together, they wrote stories, they draw, they used to do everything together, although they were separated by some miles.
Eventually they grew up and stopped talking to each other everyday, but they never forget the other. One day they tried to meet, but it didn't work out very well... until five years later.
The boy's name is Gonçalo and he's now 19 and her name is Joana and although they're not physically similar, they know deep inside they will always be each other's twin.
Obviously I'm talking about myself and my friend Joana who I keep tight in my heart. It was a great pleasure to finally meet her after all these years of virtual friendship and, if some day somebody tells you that virtual friendships aren't real, show them this post!
I love you, Joana! And this post is only a little bit of what I feel for you!

You Might Also Like

5 comentários

  1. A amizade nem sempre requer proximidade física para ser importante. Num mundo como o de hoje em que é tão fácil comunicar com pessoas que estão literalmente do outro lado do mundo, as únicas pessoas que ainda conseguem negar que amizades a longa distância são tão válidas como as outras, sao pessoas que ainda não tiveram a experiência de criar uma cúmplicidade imensa que não tem fronteiras físicas. E viva as amizades virtuais! :D

    ReplyDelete
  2. Bom post! Eu também acredito em amizades virtuais.
    Beijinhos.

    ReplyDelete
  3. Amizades virtuais não são de todo impossíveis até porque a minha melhor amiga vive na frança e apesar de estarmos juntas todos os verões conhecemo-nos virtualmente !!
    Beijinho ♡♡♡
    www.watermelonclouds.tk/

    ReplyDelete
  4. Awww! Sempre conheceste a Joana! :D
    Deviam ter gravado um clipe! :P

    Hugs :3

    ReplyDelete
  5. Oh :) A bonita história de um acaso que afinal era um destino :)

    ReplyDelete

Your opinion matters, so leave a comment here! Thanks for the visit! x :)

About You

Translate